O que é a paralisia do sono? É perigosa?

Imagine você acordar no meio da noite e perceber que não consegue mover-se ou falar. Assustador, não é mesmo? Agora imagine ainda por cima ter alucinações com bruxas ou seres demoníacos. Isso pode acontecer com quem sofre de paralisia do sono.

Mas você sabe realmente o que é a paralisia do sono? Quais são as causas e o que fazer para evitar? Este artigo foi escrito justamente para tirar estas dúvidas e para informar mais sobre este problema.

Leia tudo e descubra qual o perigo destes eventos. E não esqueça de deixar um comentário contando a sua experiência, no formulário ao fim da página!

O que é a paralisia do sono?

A paralisia do sono é uma experiência relativamente comum. Ela é caracterizada por uma incapacidade temporária de se mover ou de falar enquanto uma pessoa acorda ou adormece.

Para evitar que seu corpo se movimente ou reaja aos sonhos, os músculos entram em um estado de relaxamento durante o estado de sonho ou quando você está no estágio do sono REM.

Porém, se o corpo continua nesse estado de relaxamento após o REM, o movimento físico permanece restrito mesmo que a pessoa esteja consciente. Este é o sintoma que define a paralisia do sono.

Em algumas pessoas, um episódio de paralisia do sono pode ser acompanhado por sonhos vívidos ou alucinações. Essa pode ser a razão pela qual algumas pessoas atribuem um fator de medo ou um elemento sobrenatural à sua experiência.

Muitas vezes quem sofre um evento de paralisia do sono tem alucinações com demônios ou bruxas, como nesta obra de Johann Heinrich Füssli.

Como ocorre a paralisia do sono

A paralisia do sono pode ocorrer de diferentes formas para cada pessoa. Algumas contam que durante a paralisia do sono sentiram uma presença fantasmagórica no quarto (o demônio da paralisia do sono). Descreveram que sentiram-se paralisados, além de terem tido sentimentos de mau presságio, terror e falta de controle.

Também é muito comum sentir falta de ar ou dificuldade para respirar (porém isso não é perigoso).

Essas alucinações podem incluir (apesar de que geralmente isso não acontece) sons estranhos, cheiros e sensações de ausência de peso. A paralisia do sono é uma aflição documentada há séculos. Porém só em 1928 é que ela recebeu de Samuel Alexander Kinnier Wilson esse nome, em seu livro The Narcolepsies.

Anúncio

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Nós supomos que você está de acordo com isso, mas você pode sair, se desejar. Aceitar Leia Mais