Grupos de apoio na Era Digital – Facebook e WhatsApp3 min read

Hoje vou falar um pouco sobre os milhares de grupos que encontramos na internet e que falam sobre depressão. Mais especificamente os que são mais comuns, ou seja, os do Facebook e do WhatsApp.

Quem tem depressão sabe o quanto é importante ter apoio de outras pessoas. Nem sempre as pessoas mais próximas compreendem o que é a depressão e seus efeitos. E por pura ignorância (no bom sentido da palavra) acabam não só não acolhendo como também dizendo coisas que pioram o quadro do deprimido. Justamente por isso escrevi o artigo sobre o que não falar para alguém com depressão. De uma olhadinha, é bem interessante!

Há também pessoas que estão vivendo longe da família e que não tem amigos íntimos o suficiente para pedir ajuda. Não poder desabafar ou mesmo contar com alguém ao seu lado nas piores fases da depressão dificulta muito o processo de superação. Sabendo disto, algumas pessoas criaram grupos para trocar ideias sobre o assunto e dar um pouco de apoio aos que precisam.

É importante destacar que estes grupos servem apenas para conversar com pessoas que tem o mesmo problema, não substituem de forma alguma o tratamento com um profissional da saúde, que é importantíssimo!

Cuidado com os grupos de apoio na Internet, pesquise bem!

Porém, é importante pesquisar. Nem todos os grupos são realmente sérios e coordenados/administrados com responsabilidade. Grupos que incentivam a automedicação, por exemplo, são grupos onde a ética não é algo importante. Grupos sem moderadores ativos também devem ser excluídos da lista, pois não cuidam do que os usuários publicam e, algumas vezes, pessoas maldosas e oportunistas usam o grupo para tirar proveito de quem está nesta difícil situação.

Depois de muito pesquisar encontrei um grupo no Facebook que acredito cumprir o seu papel, com ética e seriedade. É um grupo bem ativo e os moderadores sempre estão de olho nas publicações. Ele tem também uma “extensão” no WhatsApp (você pode encontrar informações sobre isto no grupo do Facebook).

Mas lembre-se sempre: grupos não substituem médicos nem psicólogos! Não se engane achando que somente um grupo vai te ajudar a melhorar. Você precisa procurar um médico e/ou psicólogo também! Isto é muito importante para a sua recuperação!

Além do grupo que encontrei, cujo link está abaixo, também criei um grupo deste blog, com o intuito de trocar informações. Sua participação será bem-vinda e de grande importância! Para entrar no nosso grupo, basta clicar aqui (https://www.facebook.com/groups/companheiradepressao/).

Abaixo, segue o link do outro grupo do Facebook, o que pesquisei inicialmente. Acredito que vá gostar e que eles sirvam para te ajudar de alguma forma. 🙂

https://www.facebook.com/groups/depressao.oficial/

Quando entrar em qualquer um dos grupos é muito importante ler as regras na publicação fixada.

Não deixe também de conhecer nossa página no Facebook, onde publicamos artigos e notícias relacionadas ao tema. Nos dê uma forcinha dando um like na página ( https://web.facebook.com/companheiradepressao )!

Ajudando alguém com depressão

Muitos procuram grupos para buscar informações sobre a depressão, pois tem alguma pessoa querida com esta doença. Recomendo que você assista o segundo vídeo da OMS sobre o que não dizer para alguém com depressão. O vídeo é curtinho, gostoso de assistir e ajuda muito.

Também é importante conhecer os sintomas da depressão, pois assim fica mais fácil de entender e ajudar a pessoa. Portanto, invista um tempinho para ler este artigo que indiquei e os outros artigos aqui do blog. Muitas vezes o problema não é depressão, mas outra doença com sintomas parecidos. Por isso é bom se informar sobre outros transtornos do humor também.

E, sempre reforçando, não hesite antes de procurar ajuda profissional, só ele poderá realmente ajudar!

Um grande abraço.

Grupos de apoio na Era Digital – Facebook e WhatsApp3 min read
4.3 (86.67%) 6 votes

Deixe um comentário!

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.